Artigo |08/08/2017

Artigo: Manutenção em redes elétricas

As redes aéreas e subterrâneas de distribuição e de subtransmissão devem ser periodicamente inspecionadas para identificação de defeitos que poderiam se transformar em falhas causando a interrupção no fornecimento, e também para identificar as falhas já ocorridas permitindo o rápido restabelecimento do fornecimento.

São três os tipos de intervenção que podem ser realizadas: Manutenção Preditiva, Manutenção Preventiva e Manutenção Corretiva:

Manutenção Preditiva

É aquela realizada através de inspeções nas instalações e equipamentos, seja visual ou instrumental e tem como principal objetivo, detectar os defeitos antes que eles se tornem em falhas.

Entendemos por “defeito” qualquer não conformidade existente na rede ou no equipamento, que no entanto, ainda permite que estes continuem operando.

Falhas são eventos que causam interrupção no fornecimento.

Equipamentos como termovisor são utilizados para a detecção de defeitos que poderiam resultar em falhas e interrupções.

Termovisores são equipamentos construídos para fazer leitura da energia irradiada no espectro infravermelho. Em outras palavras, são equipamentos capazes de ver o calor irradiado devido ao aquecimento de qualquer equipamento.

Manutenção Preditiva >>>> Redução de Custos + Aumento da Produtividade

Manutenção Preventiva

É aquela realizada por acompanhamento sistemático da periodicidade/número de operações e evolução do desempenho dos equipamentos, isto é, antes da ocorrência de falhas (que provocam a indisponibilidade operativa do equipamento) e de defeitos (que ainda não levam a indisponibilidade operativa).

Manutenção Preventivas >>>> Planejamento das Intervenções + Redução das Falhas

Manutenção Corretiva

É aquela decorrente de falha do equipamento/componente realizada em caráter de emergência e deve ser evitada, pois implicam em falta de controle do sistema, perdas de qualidade e produtividade e alto custo operacional.

Manutenção Corretiva >>> Trabalhos não Planejados + Serviços de Emergência + Interrupção no Fornecimento + Reparos Provisórios.

Decio Wertzner – Fazer Segurança – agosto/2017